A indústria química tem sido parte integrante da paisagem econômica global por muitos séculos. As primeiras fábricas de produtos químicos foram construídas na Europa durante a revolução industrial, quando os processos para fazer concreto e roupas impermeáveis ​​foram desenvolvidos. Desde então, por meio da importação de produtos químicos, outros países passaram a contribuir com a construção de uma indústria química global, atualmente bastante evoluída e considerada como um motor de produtividade que permeia quase todos os setores da produção de bens.

A indústria química desempenha um papel crucial nas economias regionais em todos os cantos do mundo – e na maioria dos setores dessas economias. Como fabricante de produtos e tecnologias inovadoras e que melhoram a vida das pessoas e, também, como agente fundamental no alcance das metas globais expressas em muitos dos 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) das Nações Unidas.

É sabido que a indústria produz uma grande variedade de produtos acabados para consumo geral, incluindo fertilizantes, pesticidas e outros produtos agroquímicos cruciais na alimentação de uma população crescente.

E muito mais passa pela indústria química:

  • A importação de sistemas de iluminação em LED, por exemplo, que resultam em economia substancial de energia, passam necessariamente pela indústria. Não há LED sem química.
  • A importação de revestimentos de telhados e janelas, usados ​​para melhorar os níveis de isolamento como parte dos esforços de mitigação das mudanças climáticas.
  • A importação de produtos químicos utilizados no tratamento de água, permitindo a recuperação, distribuição e conservação de água potável que é crítica para o desenvolvimento sustentável.
  • A importação de plásticos utilizados para embalagens, que desempenham um papel importante na proteção de alimentos frescos, processados ​​e preparados, com a extensão da vida útil.
  • A importação de fibras artificiais, como náilon e poliéster que revolucionaram o setor têxtil etc.

Poderíamos apresentar muitos outros fatores relevantes que colocariam a indústria química no nosso dia a dia e no suporte direto à causa sustentável. A correta gestão de substâncias representa uma outra forma pela qual a indústria está contribuindo para o desenvolvimento sustentável em todo o mundo.

A Agenda 2030 para o desenvolvimento sustentável foi adotada pela Assembleia Geral das Nações Unidas em busca da superação da pobreza e ao mesmo tempo da proteção do planeta, enfatizando uma visão de crescimento sustentável que engloba aspectos econômicos, sociais e ambientais.

A boa gestão de produtos químicos representa apenas uma fração da contribuição da indústria para alcançar esses objetivos. Por meio de iniciativas circulares, o setor químico pode, também, reciclar e reutilizar moléculas de maneira mais eficiente para produzir itens de consumo, ao mesmo tempo em que reduz o desperdício e cria novos valores para a sociedade.

Na Braver somos especialistas na importação de produtos químicos básicos, intermediários e das denominadas especialidades químicas, com forte atuação no manejo de substâncias para pesquisas científicas (em apoio à ciência, inovação e tecnologia), incluindo a importação de produtos químicos perigosos.

Author

A Braver é uma empresa de classe mundial especializada em Comércio Exterior e Relações Internacionais. Autoridade em trading, importação, exportação, outsourcing, internacionalização, branding, otimização tributária e projetos internacionais de alto desempenho.